O domínio da oratória para o advogado: Qual a importância?

O domínio da oratória para o advogado: Qual a importância?

Para se destacar no mercado de trabalho, o advogado precisa lidar bem com algumas técnicas relacionadas à sua atuação profissional, dentre elas, o desenvolvimento de uma boa fala. Elemento esse que muitos encontram dificuldade para dominar, seja por conta da timidez, da vergonha ou até mesmo por falta de habilidade.

Porém, como a maioria dos obstáculos profissionais, esse também possui algumas escapatórias. Vamos falar agora sobre algumas maneiras de driblar a dificuldade de uma boa desenvoltura na hora do advogado se comunicar.

Administrar o nervosismo

Não permitir que a ansiedade e a tensão comprometam seu discurso é fundamental. Concentrar no seu objetivo e não focar no que pode atrapalhar é o segredo, principalmente nos primeiros minutos de sua fala. Esqueça sua insegurança, por mais que ela esteja falando mais alto que você.

Escolha palavras certas e de pronúncia mais simples (quando for possível, pois o vocabulário jurídico exige uma certa formalidade inevitável). Procure manter o controle do gestual e do tom de voz para não se perder do objetivo principal que é transmitir a mensagem com clareza.

Comunicação estruturada

Construir uma linha de raciocínio com começo, meio e fim é essencial para que o profissional tenha um norte e possa se guiar por ele caso se perca por algum motivo.

O sucesso na introdução do assunto é fundamental para que todo resto desenvolva-se com maestria, para isso é preciso que esse início prenda atenção do público, cative o interesse de quem ouve, gere confiança entre quem transmite e quem recebe e garanta a propriedade do profissional em relação ao assunto.

Naturalidade na medida certa

Evitar um discurso mecânico e ensaiado é muito importante. Ninguém quer ouvir discurso de robô, portanto é preciso ter fluidez na fala.

A oratória do advogado precisa equilibrar beleza com seriedade e formalidade, principalmente quando se está em júri, para isso a regra básica é: praticar!

Treinar em casa ajuda muito a conquistar uma boa desenvoltura. Preparar o discurso e gravar a fala para ouvir e identificar os erros é uma boa saída.

Ajuda profissional

É preciso entender que terapia e atendimento psicológico valem também para esse caso e não é vergonha nenhuma recorrer a um suporte profissional, pelo contrário, reconhecer suas dificuldades e buscar um auxílio é atitude de sabedoria. Todos somos falhos e podemos melhorar.

Deixe uma resposta